Fernando Pessoa

1888–1935 | Lisboa

Entre a vigília e o sonho

Das formas que não são ainda a escuridão